Pós-prova 1ª fase XXV Exame de Ordem: Confira os comentários de nossos professores!

Por: Projeto Exame de Ordem | Cursos Online

Neste domingo, 08 de abril, a OAB aplicou as provas de 1ª fase do XXV Exame de Ordem e milhares de bacharéis e estudantes de Direito dos últimos semestres realizaram o Exame.

O Exame foi composto de 80 questões de caráter eliminatório sobre disciplinas profissionalizantes obrigatórias e integrantes do currículo mínimo do curso de Direito. Também foram cobradas questões de Direitos Humanos, Código do Consumidor, Estatuto da Criança e do Adolescente, Direito Ambiental, Direito Internacional, Filosofia do Direito, Estatuto da Advocacia e da OAB, seu Regulamento Geral e Código de Ética e Disciplina da OAB.

Os gabaritos preliminares da prova objetiva já foram foram divulgados pela organizadora (confira AQUI). Já o resultado preliminar da prova objetiva será divulgado no dia 04 de abril  de 2018. O examinando que desejar interpor recurso contra o resultado preliminar da prova objetiva poderá fazê-lo, das 12h do dia 24 de abril de 2018 às 12h do dia 27 de abril de 2018, observado o horário oficial de Brasília/DF.

A equipe de professores do Projeto Exame de Ordem realizou a análise pós-prova do Exame e teceu comentários às questões e ao Exame de uma maneira geral. A prova analisada foi a PROVA TIPO 04 AZUL (baixe AQUI).

 

CONFIRA ABAIXO OS COMENTÁRIOS POR ESCRITO:

Daniela Menezes – Ética e Estatuto da OAB – (Questões 1 a 8)

Norberto Mazai – Filosofia do Direito – (Questões 9 e 10)

Flávio Daher – Direito Constitucional – (Questões 11 a 17)

Alice Rocha – Direito Internacional e Direitos Humanos -(Questões 18 a 21)

Celso Correia – Direito Tributário – (Questões 22 e 23)

Rodrigo Capone – Direito Tributário – (Questões 24 e 25)

Maria Cristina – Direito Tributário – (Questão 26)

Chiara Ramos – Direito Administrativo – (Questões 27, 28, 31)

Gustavo Scatolino – Direito Administrativo – (Questões 29, 30 e 32)

Marcela Maciel – Direito Ambiental – (Questões 33 e 34)

Roberta Queiroz – Direito e Processo Civil – (Questões 36, 38 39, 40, 41, 51, 52, 55 e 57)

Raquel Bueno – Direito e Processo Civil – (Questões 35, 37, 43, 53, 54 e 56)

Patrícia Dreyer – CDC e ECA – (Questões 42 a 45)

Leonardo Aquino – Direito Empresarial – (Questões 46 a 50)

Cristiane Damasceno – Direito Penal (Questões 58 a 63)

Cristina Tubino – Processo Penal – (Questões 64 a 69)

José Carlos – Processo Penal – (Questões 64 a 69)

Rogério Dias – Processo do Trabalho – (Questões 70 a 80)

 

 

 

 

 

 Estude conosco e tenha a melhor preparação para a 2ª fase do XXV Exame de Ordem!
matricule-se 3

O Gran Cursos Online desenvolveu o Projeto Exame de Ordem focado na aprovação dos bacharéis em Direito no Exame Nacional da Ordem dos Advogados do Brasil. A renomada equipe de professores, formada por mestres, doutores, delegados, defensores públicos, promotores de justiça e especialistas em Direito, preparou um método online que dará o apoio necessário para o estudante se preparar e conseguir a aprovação. O curso proporciona ao candidato uma preparação efetiva por meio de videoaulas com abordagem teórica, confecção de peças jurídicas e resolução de questões subjetivas. É a oportunidade ideal para aqueles que buscam uma preparação completa e a tão sonhada carteira vermelha.

4 Responses
  1. Questão 8
    Gabarito: Letra D
    Fundamentação legal encontra-se no artigo art. 43, §1º, EAOAB.
    Carlos praticou infração disciplinar, oficialmente constatada em 09 de fevereiro de 2010. Em 11 de abril de
    2013, foi instaurado processo disciplinar para apuração da infração, e Carlos foi notificado em 15 de
    novembro do mesmo ano. Em 20 de fevereiro de 2015, o processo ficou pendente de julgamento, que só
    veio a ocorrer em 1o de março de 2018.

    certeza isso!?

  2. Rebeca Do Lago Nogueira Responder

    Na correção da parte de Penal, no tocante a questão 62, a resposta da FGV está correta, visto que, à época do fato, a agente era menor de 18 anos, portanto, é inimputável.

  3. Ricardo dos Santos Responder

    Portanto é esperando a correção da resposta correta por parte da FGV ou essa questão tem que ser questionada sua nulidade através de recurso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *